Ciências Biológicas – Bacharelado

Graduação

simbolo-bioHistórico do Curso

O curso de graduação em Ciências Biológicas teve sua origem com a modalidade de Licenciatura e foi criado na década de 1980, autorizado pela Portaria RTR/UFMS N° 91 – A, de 20.10.1980 e reconhecido pela Portaria MEC N° 154, de 17.04.1984 – DOU: 24.04.1984). A carga-horária exigida pelo C.F.E era de 2.500 horas e a UFMS oferecia 3000 horas. É importante destacar que esse foi o primeiro curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas da UFMS e no Estado de Mato Grosso do Sul. Uma característica importante do curso foi a de contar, desde o início, com professores com doutorado ou mestrado, com sólida formação para o desenvolvimento de pesquisa, ensino e extensão de qualidade.
O grupo de professores, na maioria biólogos, que propôs o curso, era da área de Genética e Morfologia (Embriologia) e trabalhava com a formação do ciclo básico dos cursos de Medicina, Medicina
Veterinária, Farmácia e Odontologia. Apesar de os professores se relacionarem com cursos da área de saúde, o curso de Ciências Biológicas, desde o início, teve cunho generalista. Com a implantação do curso, professores da área de Botânica, Ecologia e Zoologia ampliaram o corpo docente e houve, logo no início, um enfoque para questões relacionadas à Ecologia e Conservação.
A formação de profissionais sensíveis às questões relacionadas à conservação esteve presente tanto na estrutura do curso, como em projetos de ensino e extensão direcionados aos estudantes. A turma que ingressou em 1983, por exemplo, teve a oportunidade de fazer cursos de Extensão em Educação Ambiental e Biologia Marinha em São Paulo (organizados pelos professores do curso) e participar de aulas práticas no Pantanal como parte da disciplina de Ecologia. Com isso, o curso acompanhou um movimento mundial a respeito da conservação dos recursos naturais e do papel do biólogo educador frente à sociedade.
O curso teve seu primeiro concurso vestibular em 1981 e a primeira turma ingressou no início do ano letivo (primeiro semestre) de 1981. Apenas duas acadêmicas concluíram o curso no período regular, em 1984. O número de egressos aumentou a partir de 1987, quando 24 alunos concluíram o curso. Durante 24 anos (a partir de 1984, ou seja, da primeira formatura) a média de formandos foi de 12 alunos/ano, totalizando 289 alunos formados.

A partir de 1995 foi oferecida também a modalidade de Bacharelado e no período de 1998 a 2004 se formaram 114 alunos (média de 16 alunos ao ano), com média aproximada de 10 candidatos por vaga no vestibular. Quando da criação do curso de Ciências Biológicas, o grupo de professores do núcleo básico das Ciências Biológicas pertencia a um único departamento – Departamento de Morfofisiologia/DMF – do mesmo centro, e iniciaram um curso de graduação em Ciências Biológicas/Licenciatura Plena que funcionava no período noturno.
Em 1991 foi criado o Departamento de Biologia/DBI, constituído pelo grupo de professores que iniciaram o curso de graduação em Ciências Biológicas / Licenciatura Plena. Em 1995 o Departamento de Biologia/DBI propôs a alteração do turno de funcionamento do curso de Licenciatura Plena para o período diurno, e criou também a modalidade de Bacharelado.
Em decorrência da obrigatoriedade de reestruturação de todos os cursos de Licenciatura proposta pela Resolução nº 02/2002, CNE/CP, em 2003 o então Colegiado de Curso solicitou a suspensão do vestibular para a modalidade de Licenciatura e passou suas 25 (vinte e cinco) vagas para modalidade de Bacharelado. Isso ocorreu porque na época não houve tempo suficiente para desenvolver um Projeto Pedagógico de qualidade respeitando todas as exigências da referida Resolução que impôs profundas mudanças na estrutura curricular da modalidade Licenciatura.
A partir de 2005, motivados pelo interesse coletivo (docentes, discentes e comunidade) iniciou-se novos debates para que o curso de Ciências Biológicas – Licenciatura fosse reativado. Os professores e acadêmicos do curso de Ciências Biológicas optaram então pela re-distribuição das 50 vagas para dois cursos de Ciências Biológicas: um de Bacharelado e outro de Licenciatura com 25 vagas.

No curso de Ciências Biológicas – Bacharelado os conhecimentos sobre os seres vivos são estudados nos vários níveis de organização, com uma abordagem integradora. O enfoque dado ao Curso de Ciências Biológicas tem sido o estudo das espécies vegetais e animais do Pantanal e das áreas limítrofes, como o Planalto da Bodoquena e outras áreas de Cerrado, assim como os ambientes onde vivem. O curso aborda também a Biologia Humana.
Há uma conexão entre o curso de graduação em Ciências Biológicas e os programas de Pós-Graduação do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, uma vez que atualmente diversos estudantes da Pós-Graduação desenvolvem seu estágio-docência na graduação, orientam Trabalhos de conclusão de curso (Monografia) ou participam como membros das bancas examinadoras (trabalho de conclusão de curso). Além disso, como esses cursos possuem suas linhas de pesquisa voltadas para a Planície do Pantanal (tendo como apoio a BEP – Base de Estudos do Pantanal) e para o Cerrado nas suas diversas fisionomias, há uma inovação constante nos conhecimentos específicos relacionados a essas áreas. Houve uma evolução nos últimos 20 anos em relação aos dados disponibilizados aos alunos como fonte de pesquisas e para aulas práticas ampliando o senso crítico e científico dos acadêmicos.
Ao longo da existência do atual Curso de Ciências Biológicas/CCBS, tem sido oferecida aos acadêmicos a possibilidade de participação formal em um conjunto regular de atividades acadêmicas, tais como projetos de extensão, projetos de ensino e projetos de pesquisa (programas vinculados às pró-reitorias da UFMS), iniciação científica (vinculada ao programa do CNPq), monitoria de ensino de graduação e estágio voluntário não remunerado (este último vinculado ao Departamento de Biologia que, por meio de edital, oferece ao acadêmico a oportunidade de auxiliar os laboratórios e pesquisas de alunos do Programa de Pós-Graduação da UFMS tais como: Ecologia e Conservação (Mestrado e doutorado), Biologia Vegetal (Mestrado) do CCBS/UFMS) e Ciência Animal (Mestrado) Faculdade de Medicina Veterinária/UFMS.


Notícias - Ciências Biológicas Bacharelado


Homenagem à Professora Maria Elizabeth Cavalheiros Dorval

Uma nova espécie de mosquito flebotomo recebeu seu nome “Psathyromyia elizabethdorvalae” em homenagem à professora Maria Elizabeth Cavalheiros Dorval por sua importante contribuição e dedicação ao estudo dos mosquitos flebotomos, da leishmaniose e de outras doenças negligenciadas. Segue link do artigo que trata do assunto “A New Species of Sand Fly, Psathyromyia elizabethdorvalae sp. n. (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae), […]

Ensalamento Unidade VI – Primeiro semestre/2016

Está disponível o ensalamento (Unidade VI – “Shopping”) para o 1º semestre de 2016. Matutino Vespertino Noturno

Quadro de Horários 2016/1

Segue o quadro de horários das disciplinas ofertadas em 2016/1 para o curso Ciências Biológicas – Bacharelado.